Jornal Serras Verdes

Todas as notícias do maior Circuito Turístico de Minas Gerais!

Edição: 01 março de 2015

Se não estiver conseguindo abrir as imagens clique aqui http://www.JornalSerrasVerdes.com.br

Clique aqui e indique nosso Informativo para seus amigos e vizinhos, é gratuito

 
   
 

SEDE DO CIRCUITO SERRAS VERDES DE VENTO EM POPA

   
 

 

A sede do Serras na beira da Fernão Dias já está em andamento. Teremos 450 metros quadrados para trabalhar o turismo da nossa região.


O turista terá um bom espaço para obter informação, fazer reservas, retirar materiais promocionais, ver o artesanato, informação dos eventos, comprar ingressos e muito mais.

 
 

 
 
     

Senador Amaral aposta no Turismo Astronômico

     

No dia 21 de fevereiro, sábado, o Circuito Serras Verdes, representado pelo Marinho Filho da Golla Consultoria esteve presente em uma importante reunião no município de Senador Amaral, onde o Poder Público representado pela Gestora Municipal de Turismo, Marinalda Teixeira e a Procuradora do Município, Maria Tereza Sales e empresários do trade turístico, representado por José Almeida da Pousada Ilhas do Sol realizaram um encontro de trabalho para definir o cronograma para elaboração e sistematização do projeto turístico estruturante escolhido por Senador Amaral para o Programa "Projetando o Turismo" de iniciativa do Circuito Serras Verdes. Trata-se da implementação de um Centro de Astronomia com foco inteiramente voltado ao turismo. Um cronograma inicial foi estabelecido e o projeto começa a andar! Vale registrar a ilustre presença do ex-prefeito de Senador Amaral, Herculano Baião.

 

 

     

Equipe de Tocos do Moji recebe consultor do CSV

para discutir projetos

     

No dia 26 de janeiro, o consultor Serras Verdes/Golla esteve com o Prefeito Antônio Rodrigues da Silva, com o Gestor Municipal de Turismo, José Vítor e com o arquiteto José Carlos Basílio Júnior para discutir o Projeto "Mirante", que será o projeto estruturante do Município de Tocos do Moji no Programa "Planejando o Turismo" do Circuito Serras Verdes do Sul de Minas. José Vítor acompanhou o arquiteto Basílio e o Consultor Marinho até o local onde será executado o projeto. Logo depois, José Vítor e Regiane Cruz se reuniram com o Consultor do Serras Verdes para analisarem em conjunto os documentos que irão compor o Dossiê 2014/2015 do ICMS Turístico.

 
     

 Reunião do Comtur de Córrego do Bom Jesus

     

No dia 24/02, aconteceu no Córrego do Bom Jesus, na sede a Amaec - Associação de Movimento da Arte, Esporte e Cultura, a reunião do Conselho Municipal de Turismo - Comtur. 
A Gestora do Circuito Serras Verdes, Fernanda Paiva, junto com o representante do Setor de Turismo, Clodoaldo e a equipe do Comtur, discutiram a pauta do dia para tratar do Projeto de Sinalização Turística; movimentação da conta do Fundo Municipal de Turismo - Fumtur; apresentação da nova representante do Setor de Educação Denise Mota e a organização do Evento Fest Fly. 
Serras Verdes e Córrego do Bom Jesus trabalhando pelo turismo!

 

     

Gestor de Turismo de Itapeva recebe consultor do CSV

     

No dia 26 de fevereiro, quinta-feira, foi a vez de Itapeva, através do atuante gestor de turismo, Marcelo Guido, receber o atendimento do consultor Marinho Filho do Circuito Serras Verdes / Golla Consultoria, com o objetivo de analisar os documentos que irão compor o dossiê 2015 - ano-base 2014 do ICMS Turístico. Parabéns Itapeva pelo sempre eficiente trabalho.

 
 
     

Circuito Mantiqueira de Mountain Bike

     
Reunidos na tarde de 27 de fevereiro, na Sede do Circuito Serras Verdes a Secretária de Turismo de Bueno Brandão, Alessandra Santos e Silva, a gestora do Circuito Serras Verdes, Fernanda Nunes de Paiva e o organizador do Circuito Mantiqueira de Mountain Bike, José Ilson Pereira Júnior, discutindo a possibilidade de inserir Bueno Brandão para sediar uma das etapas desse evento esportivo que poderá impactar positivamente no fluxo turístico do município e da região.
 

     

COMTUR de Camanducaia se reúne para discutir festival Gatronômico de Monte Verde

     

 

A atuante equipe do Comtur Camanducaia/Monte Verde se reuniu no início da semana para alinhar projetos, tendo como principal tema o Festival Gastronômico de Monte Verde que promete esse ano. O Circuito Serras Verdes foi representado pela assessora de Comunicação Sarah Ribas.

 
     

Vice Presidente do CSV Rosana Ferraz visita sede

   

A sede do Circuito Serras Verdes recebeu a honrosa visita da Vice presidente do CSV Rosana Ferraz. Rosana, juntamente com a gestora Fernanda Paiva, tem excelente participação e sempre marca presença para discutir ações e verificar o desenvolvimento do melhor Circuito do Brasil. É o Circuito Serras Verdes e toda a diretoria empenhados no ano de 2015.

 
     

É aberto envelope do processo licitatório Mapa de Bolso

     

Em 27/02 foi aberto às 14:00h na sede do Circuito Serras Verdes, em Cambuí-MG o envelope do processo licitatório Mapa de Bolso, vencendo a licitação a empresa Raissa Maria dos Santos Moraes, que a partir dessa data prestará tal serviço.

Na foto. Fernanda Paiva, Gestora. 
Rosely Moraes Diretora Financeiro e Jane Keller Assessora Adm. do CSV e representantes da empresa vencedora

 

 
     

Consultor do CSV Presta atendimento ao Município de Córrego do Bom Jesus

 

A empresa Golla Consultoria continua seus atendimentos.

Iniciando o mês de março, nesta segunda-feira, dia 02, no período da manhã, o consultor do Circuito Serras Verdes / Golla, Marinho Filho esteve reunido com o responsável pelo ICMS Turístico no município de Córrego do Bom Jesus, Clodoaldo Costa para revisão de alguns documentos do dossiê ano-base 2014, com especial ênfase no Fundo Municipal de Turismo - Funtur e sua movimentação. O chefe de gabinete e presidente do COMTUR, Pedro Henrique Simões participou do encontro, além de técnicos do setor de Contabilidade e Tesouraria para acertarem detalhes operacionais do FUNTUR.

 

 

 
     

Consultor do CSV Presta atendimento ao Município de Estiva

 

 

No período da tarde da segunda, 02 de março, o consultor Marinho Filho, do Circuito Serras Verdes / Golla esteve em Estiva para analisar os documentos do Dossiê do ICMS Turístico ano-base 2014. O Gestor Municipal de Turísmo, Rafael Pereira Silva está a frente do processo desempenhando muito bem suas atividades.

 

     

Municípios sem tradição no turismo são os que mais ganham com a Lei Robin Hood

     

As principais cidades turísticas de Minas Gerais ignoram a Lei Robin Hood no critério que destina mais recursos do Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) para o turismo. Dentre as dez principais recebedoras do repasse, não estão incluídas Ouro Preto, Tiradentes e os municípios do Circuito das Águas, por exemplo, que figuram entre as principais atrações do Estado.

Em contraposição, municípios como Capelinha, Bueno Brandão, Antônio Carlos, Dores de Campos, Ipanema e Passa Quatro, pouco conhecidos nos circuitos dos viajantes, receberam mais de meio milhão de reais entre 2011 e janeiro de 2015, cada uma, por meio daquele repasse.

 

Em 2011, quando a transferência começou a ser feita, eram 44 as cidades beneficiadas. Atualmente, são 227, o que representa um crescimento de 515%.

Ao mesmo tempo, o recurso destinado aos municípios aumentou muito pouco no período, e tem se mantido praticamente estável nesses últimos quatro anos, com aumento um pouco maior que a inflação. Com a inclusão de mais cidades, a fatia do bolo que cada município recebe está ficando menor.

Como o Estado tem 853 municípios, ainda há centenas que podem pleitear o recurso, como a capital Belo Horizonte, que já começou a ser organizar.

 

Com a perspectiva de redução na arrecadação de impostos do poder público em todos os níveis neste ano, o ICMS do turismo é mais uma fonte de recursos das prefeituras, ainda que pequena.

Requisitos

De acordo com a presidente da Comissão de ICMS do Turismo na Secretaria de Estado de Esportes e Turismo, Ana Gusmão, os municípios que já possuem alguma estrutura turística não têm solicitado a verba, pois é necessário cumprir uma série de requisitos, e muitas vezes eles conseguem verbas para o setor por outras fontes. Com isso, não se torna interessante recorrer ao ICMS.

“O grande ganho é a organização municipal. Não é apenas o dinheiro destinado aos municípios”, ressalta.

Como obrigação para ter direito ao recurso, as prefeituras precisam participar de um circuito turístico; ter uma política municipal de turismo; possuir Conselho Municipal de Turismo; Fundo Municipal de Turismo; e ter participação no critério “patrimônio cultural” e “meio ambiente” da lei.

De acordo com Ana Gusmão, não há obrigação legal de que o recurso seja utilizado com o turismo, mas as cidades têm destinado os valores recebidos às ações básicas para atender aos visitantes, como sinalização, melhorias de parques e praças, construção de pórticos e organização de eventos.

PBH tenta aprovar projeto para criar fundo e alavancar o setor

Os recursos do orçamento municipal para o turismo em Belo Horizonte em 2015 terão uma queda de 24% em relação ao ano passado. Se em 2014 foram R$ 31,4 milhões, para 2015 a previsão é de R$ 23,8 milhões.

Para tentar minimizar a falta de recursos para a área, a Prefeitura de Belo Horizonte (PBH) enviou um projeto de lei à Câmara dos Vereadores para criar a Política Municipal de Turismo e o Fundo Municipal de Turismo. Na prática, a intenção da PBH é a de poder captar recursos do ICMS do Turismo no governo do Estado, e também em outras instâncias. Se o PL for aprovado ainda neste semestre, só a partir de 2017 a capital deverá começar a receber os recursos do ICMS do turismo.

A lei proposta pela PBH é uma das etapas de consolidação do Plano de Desenvolvimento Integrado do Turismo Sustentável de Belo Horizonte (PDITS BH), elaborado em 2009 pela Fundação João Pinheiro, em parceria com a Belotur.

Caso seja aprovada no Legislativo municipal, a Política Municipal de Turismo irá substituir a que está em execução desde a fundação da Belotur, em 11 de agosto de 1980.

O texto do PL aponta que os recursos do Fundo Municipal de Turismo serão aplicados na promoção da cidade, no financiamento de estudos e pesquisas, contratação de mídia e custeio do calendário oficial, dentre outras possibilidades ligadas ao setor.

Para o presidente do Belo Horizonte Convention e Visitors Bureau, Antonio Claret, a iniciativa da nova lei é válida, pois dará uma “oxigenada” no setor. Mas, ao mesmo tempo, ele cobra uma revisão das taxas aplicadas aos comerciantes e empresários do turismo na capital.

Claret afirmou que ficou satisfeito com o carnaval da capital, apesar de os hotéis não terem ficado lotados. “Estamos numa crescente. Não vai ser do dia para a noite que o carnaval se tornará um grande evento na cidade. Mas neste ano foi bom. Os hotéis não estavam cheios, mas estavam ocupados”, ressaltou.

Cidades do interior lamentam queda progressiva no repasse

No município de Bueno Brandão, que faz parte do circuito turístico “Serras Verdes do Sul de Minas” e tem como principal atrativo as cachoeiras, o tesouro municipal tem sido alimentado pelos recursos do ICMS Turismo desde 2011. Mas, com o aumento do número de municípios pleiteando o recurso, e a diminuição de arrecadação, a tendência é a de que as prefeituras recebam cada vez menos.

Na cidade, no primeiro ano, foram R$ 198 mil repassados e, em 2014, R$ 76 mil. Como a primeira parcela deste ano foi de R$ 4,8 mil, a projeção é a de que em 2015 a transferência não chegue a R$ 58 mil. De acordo com a secretária de Turismo, Alessandra do Carmo Santos e Silva, o cenário é desanimador.

Segundo ela, os recursos do ICMS Turismo são os únicos aplicados para desenvolver o turismo na cidade, e não é possível realocar verbas do orçamento público municipal para custear a manutenção e as melhorias necessárias.

Além disso, Alessandra enfatiza que os recursos provenientes da Lei Robin Hood foram fundamentais para a organização e o desenvolvimento da economia da cidade. Desde 1997 até agora, o número de hotéis e pousadas na cidade de Bueno Brandão saltou de dois para 27.

“Nos últimos cinco anos, o repasse do ICMS Turístico garantiu para o setor turístico local um bem que não é passível de análises contábeis”, disse.

Já o secretário de Cultura e Turismo de Antônio Carlos, do Circuito Trilha dos Inconfidentes, afirma que os recursos foram utilizados para promover melhorias e aumentar o potencial turístico da cidade, mas ele também lamenta que, ano a ano, os recursos têm diminuído.

 
     

Circuito Serras Verdes sai no Guia Turismo de Minas

   

JÁ NAS BANCAS!
Parabéns ao nosso amigo Jornalista Marden.
Ficou no Serras Verdes a nosso convite e retribuiu maravilhosamente bem incluindo nossa região neste excelente trabalho.

 
     

Senador Amaral já inicia documentos para o ICMS Turístico

     

Nesta quarta-feira, 04 de março, a gestora de turismo de Senador Amaral, Marinalda Teixeira recebeu a consultoria do Circuito Serras Verdes / Golla, através do consultor Marinho Filho para fazer uma análise nos documentos para o dossiê do ICMS Turístico ano-base 2014 a ser concluído até 15 de abril próximo. Senador Amaral vem constantente alcançando êxito na habilitação no ICMS Turístico, o que demonstra comprometimento e trabalho sério. Também passaram pela reunião, a Procuradora do Município Maria Tereza Sales e o Prefeito Lairto de Almeida.

 
     

Comunicado de Extrema sobre estágio

   

COMUNICADO
A Gerência de Turismo está iniciando processo seletivo para vaga de estágio. Os interessados devem estar cursando curso superior nas áreas de Turismo, Recursos Humanos e Administração. Mais informações na Gerência de Turismo, situada na Casa da Cultura. Praça Presidente Vargas, 100.

 
     

Primeira Audiência Pública de 2015, Córrego do Bom Jesus
 

     


A Prefeitura Municipal de Córrego do Bom Jesus, conforme prevê a Lei de Responsabilidade Fiscal, realizará na sexta-feira, 06 de março, uma Audiência Pública com o objetivo de demonstrar e avaliar o cumprimento das metas fiscais relativas ao 3º quadrimestre de 2014.

A audiência que será realizada por intermédio do Departamento de Contabilidade e Controle Interno Municipal, ocorrerá às 18h horas, no Auditório Felizindo Finamor, no Centro de Educação e Cultura Deputado Christovam Chiaradia - clube.

Esta reunião é importante para mostrar à população como está sendo conduzida a administração do município, atendendo assim aos princípios constitucionais da informação e da transparência, sendo que desde já o convite é estendido a todos os munícipes e principalmente os vereadores para participarem do evento.

 

 

Exposição Holly Mota
Casarão das Irmãs Carvalho voltará realizar eventos culturais

Com o objetivo de divulgar as várias expressões artísticas paraisopolenses, aproximar os artistas locais e movimentar o Casarão das Irmãs Carvalho, o Departamento Municipal de Cultura de Paraisópolis, irá realizar de 26 a 28 de março a exposição denominada “Olhe pra dentro” do artista “Holly Mota”. As obras, que fazem o conjunto desta exposição, contém fotografias, telas em acrílico e poemas de autoria do artista e estão divididas em três áreas: Pintura, Literatura e Ação Relacional.
A exposição se inicia na quinta-feira (26/03), às 19:00h, com o Coquetel e às 19:30h acontece a Abertura Oficial da exposição “Olhe pra dentro”.
No dia 27, sexta-feira, a exposição vai das 07:30h às 16:30h, e no sábado, dia 28, das 08:00h às 17:00h, com a presença do artista em todos os dias e algumas obras à venda.
A entrada é gratuita e será permitido o uso de câmeras fotográficas.

 

 

 

Dia da Mulher Paraisópolis

“Mulheres de Fibra, mulheres que lutam” é o tema do evento em comemoração ao dia da Mulher.

Texto e arte: Tatiane Cambraia
Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, celebrado anualmente em 08 de março (próximo domingo), o Departamento Municipal de Cultura, com o apoio da Prefeitura de Paraisópolis, elaborou uma programação especial para ELAS. Com o tema “Mulheres de Fibra, mulheres que lutam”, a comemoração deste ano começa no sábado (07/03), com a palestra da Juíza de Direito Érika Silveira de Moraes Brandão, na Câmara Municipal, onde também será servido um café de boas vindas, a partir da 19:00h. No domingo, Dia Internacional da Mulher, haverá um show especial, na Praça Cel. José Viera, a partir das 20:00h, e também a apresentação da Lira Cônego Benedito Profício.
Você é nossa convidada!!!

 

Dia Internacional da Mulher Córrego do Bom Jesus


Todas as correguenses estão convidadas!
Venham comemorar o Dia Internacional da Mulher!!
Dia: 08/03, às 8h, no Centro de Educação e Cultura (clube).

 

 

  Notícias Gerais
    Parceiros do Serras Verdes:

    Faça parte desta turma!

    Envie sua logomarca!

 

   

 

 

 

   

 
   

 
     
   

 
   

 
   

 

 
   

 
   

 
   

 
    Fazenda São Sebastião

 

 

 
 
Links úteis
MTur - Ministério do Turismo

SETUR - Secretária de Estado de Turismo de Minas Gerais

OMT - Organização Mundial do Turismo

Abav - Associação Brasileira de Agências de Viagens

Abbtur - Associação Brasileira de Bacharéis em Turismo

Abeoc - Associação Brasileira de Empresas de Eventos

Abeta - Associação Brasileira das Empresas de Turismo e Aventura

Abgtur - Associação Brasileira de Guias de Turismo

Abih - Associação Brasileira da Indústria de Hotéis

Abrasel - Associação Brasileira de Bares e Restaurantes

Abraturr - Associação Brasileira de Turismo Rural

Abresi - Associação Brasileira de Gastronomia, Hospedagem e Turismo

ANUNCIE EM NOSSO JORNAL OU ASSINE O JORNAL IMPRESSO E AJUDE A DIVULGAR A "NOSSA PALAVRA". Basta enviar um email mkt@serrasverdes.tur.br

Expediente 

“Jornal Serras Verdes” - Informativo Interno do Circuito Serras Verdes do Sul de Minas.
Diretor Responsável: Gustavo Pessoa Arrais.
Jornalista Responsável: Sarah Ribas MTB: 0018934/MG

Redação e Publicidade: mkt@serrasverdes.tur.br

Fale conosco 

Mande sua sugestão- crítica - opinião para mkt@serrasverdes.tur.br
Se sentir ofendido, prejudicado pelas notícia publicadas no "Jornal Serras Verdes" on line ou impresso e desejar utilizar o direito de resposta, basta enviar carta ou email para opinião para
mkt@serrasverdes.tur.br, que publicaremos sua resposta com o mesmo tamanho e local.

Visite o nosso site 

            Visite o Circuito Serras Verdes do Sul de Minas.

www.serrasverdes.tur.br